FONTENovo Jornal
João Lourenço participa hoje do Fórum de Negócios Estados Unidos - [email protected]

O Fórum de Negócios Estados Unidos – Angola, previsto para esta segunda-feira, 24 em Nova Iorque, é visto pelo sector financeiro nacional como uma oportunidade para recuperar as relações com os bancos correspondentes americanos, reforçada pelo apoio do Presidente da República, João Lourenço, que deverá discursar na abertura do encontro.

Segundo Pedro Godinho Domingos, presidente da American Chamber of Comerce in Angola (Amcham – Angola) – instituição que organiza o Fórum em parceria com a Câmara do Comércio dos Estados Unidos -, as reformas já introduzidas pelo Presidente da República, João Lourenço, deverão ser decisivas para recuperar a confiança dos bancos americanos no mercado angolano.

Recorde-se que o Chefe de Estado viajou para Nova Iorque na última sexta-feira, 21, onde, para além de discursar na 73.ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, na próxima quarta-feira, 26, tem programada uma intervenção na abertura do Fórum de Negócios Estados Unidos – Angola, que deverá reforçar a mensagem reformista da sua governação, no sentido de melhorar o ambiente de negócios no país.

Confiante no impacto das medidas de João Lourenço, o presidente da Amcham – Angola acredita no regresso dos correspondentes bancários americanos a Angola, e lembra que a sua saída do país deveu-se à alegada falta de transparência nas operações, realidade que a nova liderança procura eliminar.

“A intenção é relançar a parceria com os bancos correspondentes americanos e permitir transferências e conversões monetárias directas com as instituições financeiras angolanas”, explicou Pedro Godinho Domingos, em declarações à Angop.

Como consequência dessa ligação, o acesso aos dólares no mercado angolano deverá ser facilitado.

Facebook Comments