FONTEMercado
BNA vai criar lei sobre transferência de lucros dos investidores estrangeiros @DR

Em 2018 os bancos comerciais emitiram 11.162 cartas de crédito internacional no valor de 1,6 milhões USD, dos quais, com a introdução das novas regras, 923,43 milhões USD foram liquidadas.

Das 11.162 cartas, 6.506 foram emitidas para fornecedores em Portugal, 1.417 na Bélgica, 1186 na Alemanha, 1068 na África do Sul, 300 nos Emiratos Árabes Unidos, 299 na China e 386 noutros, avançou o chefe do departamento de controlo cambial do Banco Nacional de Angola, Veloso Pedro.

O responsável referiu que a maior atribuição de divisas em leilões de quantidade ocorreu no mês de Setembro de 2018. Do valor total atribuído em leilões de quantidade, apenas 44% encontram-se vencidas.

O governador do Banco Nacional de Angola, José de Lima Massano, voltou à baila dos atrasados. Referiu que em 2017 os importadores acumularam dívidas junto dos seus fornecedores no valor de 5 mil milhões USD.

De acordo com José de Lima Massano, alguns importadores assumiram o compromisso junto dos fornecedores mesmo sem reunirem condições de honrar. Noutros casos, diz o governante, os pagamentos ocorriam mas as mercadorias não entraram no país, o que, configurava indícios de branqueamento de capitais.

Para corrigir este cenário, o BNA reuniu os principais intervenientes do comércio internacional, como o Ministério do Comércio, importadores e bancos comerciais para discutir sobre as cartas de crédito como uma modalidade de pagamento seguro, ao abrigo do aviso nº 5/18 do BNA.

Facebook Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here